Carta para a minha avó

Tantos anos se passaram e nem imaginas a falta que tu e o avô me fazem. Sei que não estão nada orgulhosos de tudo o que se passou desde que partiram. Como tu sabes, eu estive bem próximo de estar junto de voçês com o acidente que tive à onze anos atrás.

Eu sei que voçês continuam a olhar por mim e pela minha filha, ela foi o melhor que que aconteceu e tenho a certeza que não parti porque ela tinha que vir ao mundo. Como tu ias amar esta menina, ela é tão linda, educada, afetuosa, sou capaz de tudo por ela, tudo mesmo. É a razão da minha luta, do meu viver, o meu maior e único orgulho.

Avó, sinto um vazio tão grande em mim, precisava tanto de estar contigo uma última vez, conversar contigo, abraçar-te. Quero partilhar todos os meu sentimentos contigo, pois eu sei que tu sempre me apoiaste em tudo, incondicionalmente, mas acima de tudo quero pedir-vos perdão aos dois.

Irei morrer arrependida por tantas coisas erradas que fiz e não o mereciam. Desde as faltas de respeito, roubado e nem ter dado valor ao vosso amor por mim e especialmente, jamais, me irei perdoar de não estar ao vosso lado, nos ultimos momentos de vida.

Tu sabes, eu sei que sim, que sempre vos amei e amarei para toda a eternidade.

Fui uma criança rebelde, revoltada com o mundo e voçêm não tinha culpa alguma, muito pelo contrário, deram o melhor de voçês, tanto de alma e coração…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create your website with WordPress.com
Iniciar
%d bloggers like this: