Meu maravilhoso ser

Estou aqui sentada a observar-te, a reparar o quanto já cresceste e a cada dia que passa te tornas mais linda em todos os aspetos. Tu és a prova que eu ainda faço algo bem. Eu vivo por ti e para ti, cada segundo da minha vida e é de ti, que tiro as forçasContinue a ler “Meu maravilhoso ser”

Memorias da infância

A mae de Annabelle partiu com ela rumo a Lisboa, entregando a bebe ao cuidado de um casal enquanto trabalhava em boites, na noite Lisboeta, pouco depois partiu para o Sul deixando a criança para trás.Annabelle cresceu a sentir-se rejeitada,inferior e apesar do amor mútuo entre o casal e ela, o mesmo nao acontecia comContinue a ler “Memorias da infância”

Create your website with WordPress.com
Iniciar