O meu sexto sentido…

Hoje era o dia em que ia retomar à minha profissão desde sempre, tirando algumas tentativas falhadas, mas acordei com uma enorme ansiedade, sentia-me meio zonza e com o coração acelerado, tive que recorrer a um comprimido de fluoxetina, que nunca falta na minha rotina matinal e na maioria das vezes costumo tomar dois de 20 mg, estava com uma dor de cabeça horrivel, tomei também um beu-no-ron e terminei a dosagem com um diazepam de 5mg, para ver que conseguia recicionar.

A minha cabeça estava confusa, porque apesar de não querer ir, sei que o dinheiro da poupança está a acabar, porque foram três meses em casa seguidos e adquiri um portátil novo (no próximo post explico a razão), apesar de me ter arrependido.

Bem, era pensava que tinha que ir, especialmente porque tenho pouco mais de uma semana para arranjar dinheiro para renda de casa, atl da minha filha, selo e inspeção do carro, para além das contas de água, luz gás e internet, que ao empurrar com a barriga já estão a dobrar, eu também tenho que voltar à luta e não posso esconder-me da sociedade para sempre.

Mas, só de recordar o toque daqueles homens em mim, velhos, gordos, magros, porcos, encontra-se de tudo mesmo, acreditem, até me arrepiava, mas tinha que ir, porque já tentei de tudo o que estava ao meu alcance e mesmo assim tinha que mexer nas poucas poupanças que existiam, também lembrava-me que ia deitar-me com ele por meia hora, pelo valor de 15€ pois a outra metade fica para a dona da casa e se pelas minhas contas iria precisar de ganhar em média 50€ por dia, tinha que fazer uns três ou quatro para atingir esse valor. Que injusto que é, além desses homens nos usarem como bonecas sexuais, ainda temos que entregar metade do que duramente se ganhou a quem está sentada na sala a ver tv.

Fui tomar café com a minha filha antes de a levar, sempre com a cabeça a mil, após a deixar, fui novamente tomar outro café, agora já sozinha para decidir de uma vez o que iria fazer hoje, a mala do “trabalho” estava no carro pronta, mas sempre tinha a hipotese de voltar para minha casa, desarrumar a mala e tentar a webcam. Acabei por faturar 65€ em 2 horas de show, sem ninguém me tocar. Já tinha estado uns dias, durante a noite a tentar ganhar algum dinheiro e apesar de ter sexo na mesma e expor-me bastante, não me senti tão mal, por hoje. Amanhã volto aqui para vos contar como tem sido a minha experiência como camgirl….

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create your website with WordPress.com
Iniciar
%d bloggers like this: